Revista de Imprensa Nacional


 

Lusa / AO Online   Nacional   1 de Dez de 2010, 07:05

O facto de ainda nascerem crianças infetadas com o vírus da Sida e as recomendações de Bruxelas para aumento da flexibilidade no trabalho fazem hoje manchete na imprensa portuguesa.

“Ainda nascem crianças seropositivas em Portugal”, é o título do Diário de Notícias, no Dia Mundial da Sida.

Segundo o matutino, ”no ano passado, seis crianças herdaram da mãe o VIH. Este número revela, contudo, avanços no combate à doença no País, já que é dez vezes menos que há 15 anos”.

Por seu turno, o Público refere que a doença já atinge 42 mil portugueses e que até 2009 já foram identificados quase cinco mil novos casos de infeção por VIH/Sida em pessoas com mais de 50 anos.

"Bruxelas manda despedir”, titula o Correio da Manhã, acrescentando que a UE exige medidas a Portugal e que a Comissão Europeia recomenda flexibilidade na legislação laboral enquanto um relatório pede indemnizações mais baratas para rescisões de contratos de trabalho.

Já o i faz manchete com o título “Contágio da crise da dívida – bancos portugueses desvalorizam 4 milhões em bolsa este ano”.

Segundo este jornal, os três bancos portugueses cotados valiam 11,2 milhões em bolsa no início de 2010. “Agora BES, BCP e BPI valem 7,3 milhões. O Banco de Portugal fala em ´risco incomportável` e ontem [terça-feira] o cenário piorou: a Standard & Poor´s avisou que pode baixar os ratings em Portugal”.

Já o Jornal de Notícias opta por fazer manchete com o título “Nova penalização para quem se reformar no próximo ano”, acrescentando que o aumento da esperança de vida altera regras para pensionistas em 2011 e que trabalhar mais quatro a dez meses é forma de evitar perda de remuneração.

A vaga de mau tempo europeu que vai gelar o país até sábado, a condenação de um empresário português a 13 anos de prisão por ter matado um “ladrão" e o aumento das prestações da casa face ao aumento da Euribor são ainda títulos de primeira página no Diário de Notícias, Correio da Manhã e Público.

Este matutino dá ainda honras de primeira página ao facto de o primeiro-ministro ter ouvido empresas, titulando: “Aumentar exportações é receita única para medidas anticrise”.

O jogo de hoje entre o Sporting e o Lille a contar para a Europa League faz hoje manchete na imprensa desportiva portuguesa.

“Garras afiadas” e “Hoje é dia de chegar aos 100” titulam a este respeito A Bola e o Record, respetivamente.

Já o Jogo opta por fazer manchete com declarações de Dani Alves sobre o seu conterrâneo David Luiz, jogador brasileiro que está ao serviço do Benfica, e que tem sido criticado.

“Respeitem-no”, diz Dani Alves sobre o central do Benfica.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.