Mau tempo

Rajada máxima de 138 km/h registada nas Flores

Rajada máxima de 138 km/h registada nas Flores

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   27 de Nov de 2018, 10:36

O Instituto Português de Mar e da Atmosfera registou, esta madrugada, a rajada máxima de 138 km/h na ilha das Flores.



De acordo comunicado da Delegação dos Açores do IPMA, a depressão Diana encontrava-se, esta manhã, a 384 km a noroeste das Flores, mantendo o deslocamento para nordeste.


“Até ao momento, a rajada máxima registada foi de 138 km/h na ilha das Flores às 5h30”, diz o comunicado que adianta que ao longo do dia de hoje (terça-feira) “esperam-se ainda rajadas na ordem dos 130km/h no grupo Ocidental e ondas que poderão atingir os 12 metros de altura significativa (com um onda máxima provável atingir os 21 metros).


O aviso vermelho para para o grupo Ocidental irá manter-se até às 18 horas de hoje para a previsão de agitação marítima.


Para o fim do dia deverá verificar-se uma melhoria gradual do estado do tempo, diz ainda o comunicado.


No grupo Central, mantém-se a previsão de que ao longo desta terça-feira, as rajadas poderão atingir os 120 km/h e as ondas poderão atingir os 9 metros de altura significativa. Também é esperada precipitação por vezes forte a partir do fim da tarde prolongando-se no início da madrugada de quarta-feira (28 de novembro).


Para o grupo Oriental, prevê-se a ocorrência de precipitação por vezes forte, a começar na noite desta terça-feira à manhã de amanhã (28 novembro) e o aumento da agitação marítima com ondas que poderão ir até aos 6 metros de altura significativa na madrugada de quarta-feira.


Por outro lado, a Capitania do Porto da Horta, na ilha Faial, refere em comunicado, que o porto das Lajes do Pico está encerrado durante o dia de hoje.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.