Quase 1 em 4 adolescentes tem problemas de ansiedade


 

Lusa/AO online   Internacional   15 de Out de 2010, 12:09

Quase um adolescente norte-americano em quatro tem problemas de comportamento, de humor e de ansiedade tão severos que interferem na sua vida quotidiana, segundo um estudo publicado na quinta-feira.
Divulgado no Journal of the American Academy of Child and Adolescent Psychiatry, o estudo apurou que 22,2 por cento dos adolescentes têm perturbações que actuam sobre a sua actividade quotidiana, o que lhes provoca grande stress.

Em termos gerais, nada menos de 51 por cento dos rapazes e 49 por cento das raparigas, entre os 13 e os 19 anos, têm problemas de comportamento, de humor, de ansiedade ou de drogas, especifica o estudo, realizado por Kathleen Merikangas, do Instituto Nacional da Doença Mental (NIMH, na sigla em inglês).

“Esta prevalência de perturbações emocionais e psicológicas é mesmo mais forte do que a de doenças correntes, como a asma ou a diabetes”, destaca-se no documento, que incidiu sobre 10 mil adolescentes.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.