Açoriano Oriental
PSP não encontrou explosivos no envelope que chegou à Embaixada de Israel em Lisboa

A PSP não encontrou qualquer engenho explosivo no envelope que chegou à Embaixada de Israel em Lisboa na terça-feira e que continha uma substância suspeita, adiantou à agência Lusa fonte policial.


Autor: Lusa/AO Online

Uma equipa de inativação de explosivos tinha sido enviada na terça-feira para embaixada israelita em Portugal, depois de esta ter recebido um envelope suspeito.

Fonte do Comando Metropolitano da PSP de Lisboa (Comtelis) indicou à Lusa que após as diligências não foram encontrados explosivos.

A equipa destacada para a embaixada já deixou as instalações e o caso passou para a Polícia Judiciária (PJ), acrescentou a mesma fonte.

A Embaixada da Israel em Lisboa tinha confirmado, esta terça-feira à noite, ter recebido um “envelope suspeito” e chamado a PSP para investigar o sucedido.

Numa nota na rede social X, a missão diplomática israelita em Portugal acrescentava que todo o pessoal da embaixada estava em segurança.

Fonte do Comtelis tinha confirmado à Lusa o envio de uma equipa de inativação de explosivos devido a uma substância suspeita recebida num envelope.

“Um funcionário da embaixada achou estranho por vir num envelope essa substancia, resolveu entregar aos serviços de segurança da embaixada que depois também acharam suspeito”, tendo sido alertada a PSP, detalhou.

PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados