Política

PSD requer audição urgente por causa da renda das SCUT

PSD requer audição urgente por causa da renda das SCUT

 

Lusa/AO online   Regional   28 de Out de 2011, 16:40

O PSD/Açores requereu, com carácter de urgência, a audição do secretário regional dos Equipamentos na Comissão de Política Geral para explicar a "enorme divergência" nos valores das rendas das SCUT.
Num comunicado enviado à imprensa, o grupo parlamentar social-democrata refere que José Contente tem de "dar explicações" ao parlamento sobre os valores da renda anual que a Região vai pagar pela concessão rodoviária das estradas sem custos para o utilizador.

Segundo os deputados do PSD, o valor inscrito na proposta de Plano e Orçamento para 2012 para o pagamento da primeira renda das SCUT (cerca de 22,8 milhões de euros) representa uma "enorme divergência" em relação aos valores inicialmente divulgados pelo Governo (cerca de sete milhões de euros no primeiro ano e 12 milhões nos restantes).

"Devido à enorme divergência entre estes valores e às inconsistentes explicações dadas à comunicação social pelo secretário regional dos Equipamentos, o grupo parlamentar do PSD/Açores solicitou que o governante seja ouvido na comissão parlamentar de Política Geral com urgência", adiantaram os deputados social-democratas.

O PSD/Açores pretende também que o secretário regional dos Equipamentos revele o valor total das rendas que a Região está obrigada a pagar ao concessionário da SCUT, quer a partir de 2012, quer até ao final dos 25 anos de concessão da obra, e que entregue na Comissão os documentos de suporte para o cálculo das rendas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.