Açoriano Oriental
Proteção Civil dos Açores registou 10 ocorrências nas últimas 24 horas

A Proteção Civil dos Açores registou nas últimas 24 horas um total de 10 ocorrências nas ilhas Terceira, Flores, Graciosa, Pico e São Jorge, devido à chuva que se regista no arquipélago.


Foto: ANTÓNIO ARAÚJO/LUSA
Autor: Lusa/AO Online

Fonte do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) disse à agência Lusa que o mau tempo provocou desde segunda-feira "duas inundações, duas quedas de muro, três quedas de detritos, dois deslizamentos de terra, um dos quais no acesso à Fajã do Ouvidor e outro deslizamento que ocupou parte de uma via nas Lajes do Pico, e ainda a queda de uma árvore de grande porte junto ao jardim Duque da Terceira".

De acordo com a Proteção Civil açoriana, "a única situação que está ainda a ser resolvida refere-se à derrocada na estrada de acesso à Fajã do Ouvidor, em São Jorge", que levou à interdição temporária do trânsito rodoviário.

"A derrocada obstruiu uma zona da estrada, o que impossibilita que a circulação rodoviária se faça em segurança", segundo a secretária regional dos Transportes e Obras Públicas.

Os trabalhos de desobstrução da via "já foram retomados esta manhã", referiu a fonte da Proteção Civil dos Açores.

Num comunicado emitido hoje, o SRPCBA informa que o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu aviso amarelo para o grupo central por causa das previsões de precipitação, por vezes forte, acompanhada por trovoada, até às 18 horas de hoje.

Foi ainda emitido aviso amarelo para o grupo oriental que vai vigorar até às 6 horas de quarta-feira.

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.