Projectos de investigação portugueses de combate à sida premiados


 

Lusa / AO online   Nacional   27 de Out de 2009, 17:20

 Dez investigadores portugueses são esta terça-feira distinguidos pela Fundação GlaxoSmithkline para as Ciências da Vida com bolsas de investigação de 10 mil euros para desenvolver os projectos na área de combate ao HIV/Sida e à patologia infecciosa.
"Entre os 19 candidatos que se propuseram a este concurso, a Fundação aprovou dez que, pelo seu interesse e objectivos, melhor se coadunavam com a finalidade e as condições do regulamento do concurso”, disse às Lusa o coordenador da comissão de avaliação dos projectos, Henrique Lecour.

Na segunda edição do concurso, a fundação decidiu este ano que a atribuição das 10 bolsas de doutoramento fosse mais abrangente e se estendesse à patologia infecciosa e não apenas à área da infecção por vírus da imunodeficiência humana, explicou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.