Açoriano Oriental
Prisão preventiva para suspeito da prática de vários crimes de furto em Ponta Delgada

Um homem de 20 anos ficou em prisão preventiva por ser suspeito da prática de vários crimes de furto qualificado, em Ponta Delgada

Prisão preventiva para suspeito da prática de vários crimes de furto em Ponta Delgada

Autor: Susete Rodrigues/AO Online

Em comunicado, o Comando Regional dos Açores, refere que no decurso das várias diligências policiais e processuais “levadas a cabo por investigadores da EIC de Ponta Delgada, com colaboração da Brigada de Investigação Criminal, da Esquadra das Capelas, foi possível recolher um conjunto substancial de provas, que apontam o arguido como autor de diversos crimes perpetrados em vários estabelecimentos comerciais, na vila das Capelas e na cidade de Ponta Delgada”.

O suspeito “que atuava durante a noite, acedia aos vários estabelecimentos, através de arrombamento, causando avultados danos materiais nas portas e janelas. Já no seu interior, arrombava as respetivas caixas registadoras, com a intenção de apropriar-se de quantias monetárias aí existentes, o que nalguns casos logrou conseguir”.

O comunicado explica ainda que a “PSP conseguiu reunir indícios suficientes e sustentados que levam a querer que o suspeito terá praticado seis crimes de furto qualificado”. Face à gravidade do caso e ao “perigo que o arguido representava, no sentido de prosseguir a sua atividade criminosa, a PSP avançou para a detenção do suspeito, através da emissão de mandado de detenção fora de flagrante delito, o qual foi determinado por despacho emanado por autoridade de polícia criminal”.

O arguido foi presente a 1.º interrogatório judicial, tendo-lhe sido aplicada, a medida de coação de prisão preventiva.

O Comando Regional da PSP dos Açores adianta que foi “possível constatar que o arguido é consumidor de drogas duras, vindo a praticar tais ilícitos com o propósito de garantir o sustento a esse vício, tendo já sido condenado anteriormente com pena de prisão suspensa na sua execução, com obrigatoriedade de sujeitar-se a tratamento à sua dependência”.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados