EUA

Preço das casas continua a cair pique

Preço das casas continua a cair pique

 

Lusa/AOonline   Economia   28 de Out de 2008, 14:25

O preço das casas nas dez maiores cidades norte-americanas desceu 17,7 por cento face ao mesmo mês do ano passado, um novo recorde de desvalorização, indica o índice Case-Shiller divulgado pela Standard&Poor's.
Quando comparado com o mês de Julho, o preço das habitações desceu 1,1 por cento.

    Numa análise alargada às vinte principais cidades no Estado Unidos, as casas também desvalorizaram 1,0 por cento em Agosto face ao mês anterior e 16,6 por cento contra Agosto de 2007, o que constitui também um novo recorde negativo.

    O presidente da comissão de índices da Standard&Poor's, David Blitzer, sublinhou em comunicado que "continua a descida dos preços das habitações" nos Estados Unidos e explicou que "pelo quinto mês consecutivo, todas as regiões (analizadas) registaram quedas anuais".

    Phoenix (Arizona) e Las Vegas (Nevada) são as duas cidades mais afectadas pela queda dos preços das casas, com quebras anuais de 30,7 por cento e 30,6 por cento respectivamente, seguidas de Miami (Florida), com uma descida anual de 28,1 por cento.

    O mercado da Califórnia, um dos estados protagonistas do boom imobiliário nos Estados Unidos, também está em grandes dificuldades: San Francisco regista uma quebra de 27,3 por cento no preço das casas, Los Angeles 26,7 por cento e San Diego 25,8 por cento.

    Até ao momento, Nova Iorque está a aguentar melhor os efeitos da desvalorização sentidos noutras grandes cidades com uma baixa anual de 6,9 por cento. Na capital, Washington, a queda dos preços foi de 15,4 por cento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.