Açoriano Oriental
Poucos agressores reincidem após passarem pelo ‘Contigo’

Dez anos após a sua implementação nos Açores, o programa 'Contigo', pioneiro a nível nacional, tem-se revelado um sucesso, com uma taxa de reincidência na violência doméstica de 15,4%

article.title

Foto: Rui Jorge Cabral/AO
Autor: Rui Jorge Cabral

A taxa de reincidência dos agressores no crime de violência doméstica, com denúncia e detenção policial, até dois anos depois de frequentarem o programa 'Contigo', foi de apenas 15,4%, pelo que a esmagadora maioria não voltou a agredir depois de frequentar o programa.

Este dado foi ontem revelado num estudo apresentado em Ponta Delgada durante o seminário ‘Contigo – Caminho(s) de e para uma década’, que assinalou os 10 anos da implementação deste programa nos Açores, que foi pioneiro a nível nacional. 



Pode ler mais na edição desta terça-feira, 4 junho 2019, do jornal Açoriano Oriental



Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.