Crime

PJ detém presumível assassino de brasileiro à facada


 

Lusa/AO online   Nacional   9 de Set de 2008, 16:30

A Polícia Judiciária (PJ) do Porto deteve o suspeito de ter esfaqueado mortalmente um cidadão brasileiro de 36 anos, segunda-feira de madrugada, no centro do Porto, revelou a corporação.
Em comunicado, a PJ indica que o suspeito “é outro estrangeiro, de 28 anos, que permanecia em Portugal ilegalmente e que foi detido poucas horas após o crime”.

    Entretanto a Lusa apurou que o agressor é também de nacionalidade brasileira.

    O comunicado policial refere ainda que “no decurso das investigações realizadas, foi possível a apreensão da faca utilizada no crime e do passaporte do arguido que, de resto, tinha já interdita a sua permanência em Portugal até 2010".

    Ainda segundo a Policia Judiciária, o crime, terá ocorrido "após uma discussão, seguida de rixa e de confrontos físicos, em que o ora detido terá desferido um golpe no coração do outro indivíduo, provocando-lhe a morte quase de imediato".

    O oficial de dia na PSP tinha referido segunda-feira, que os motivos da agressão estariam relacionados com dívidas, circunstância que a PJ não clarificou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.