Acidente aéreo

Piloto comunicou problema antes da primeira descolagem

Piloto comunicou problema antes da primeira descolagem

 

Lusa/AO online   Internacional   21 de Ago de 2008, 12:51

O avião da Spanair que se despenhou quarta-feira em Madrid teve um problema de sobreaquecimento numa válvula de entrada de ar antes da primeira tentativa de descolagem, informou a companhia aérea.
    "O piloto, antes da descolagem, regressou à porta de embarque e informou da existência de um problema de sobreaquecimento numa entrada de ar", disse o porta-voz e subdirector-geral da Spanair, Javier Mendoza, numa conferência de imprensa em Madrid.

    O porta-voz disse que o instrumento, designado sonda de entrada de ar, estava aparentemente a sobreaquecer na parte da frente do aparelho, sob o 'cockpit'.

    O mesmo responsável acrescentou que os técnicos corrigiram o problema isolando e desligando a sonda e acrescentou que esse é o procedimento habitual nestes casos.

    A companhia afirma igualmente que o avião foi declarado pelos técnicos apto para seguir viagem depois da resolução daquele problema.

    O avião despenhou-se segundos depois da segunda tentativa de descolagem, matando 153 das 172 pessoas a bordo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.