Petrobras pode representar 10 por cento do PIB do Brasil em 2020


 

Lusa / AO online   Economia   24 de Ago de 2008, 20:33

O peso da Petrobras na economia brasileira pode duplicar na próxima década e atingir os 10 por cento do Produto Interno Bruto (PIB) do país se a produção da petrolífera progredir segundo as estimativas hoje divulgadas na imprensa brasileira.
    Segundo um artigo do "Folha de S.Paulo", que refere um estudo do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, o peso da Petrobras no PIB brasileiro poderá subir dos actuais 4,7 por cento para os 7,19 por cento em 2020, na pior das hipóteses, ou para os 11,52 por cento, na melhor das hipóteses.

    O estudo universitário prevê três cenários, com base no preço do barril de petróleo a 80 doláres, 100 doláres ou 120 doláres no mercado internacional. A pesquisa usa para os três cenários a mesma estimativa de produção diária da Petrobras: 2,3 milhões de barris em 2010, que passarão para os 3,5 milhões de barris em 2015, e para os cinco milhões de barris em 2020.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.