PCP/Açores responsabiliza governo regional pela atual situação da SATA

PCP/Açores responsabiliza governo regional pela atual situação da SATA

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   6 de Dez de 2018, 12:03

O PCP/Açores responsabiliza o governo regional pela atual situação da SATA, apontando o processo da privatização de 49% do capital da Azores Airlines, operação que acabou por não avançar, como mais um exemplo.

“O grande responsável pela situação da SATA tem sido os sucessivos governos regionais, pelas falhas sistemáticas que tem cometido e este processo é mais um exemplo claro”, disse o líder do partido em comunicado.


Reafirmando que o PCP é contra a privatização da SATA, Vitor Silva defende que o processo de “reestruturação da empresa deve passar pelo investimento público, seja da Região ou da Região em parceria com o Estado ou com a Madeira; ou até mesmo um investimento tripartido, entre as duas Regiões Autónomas e o Estado”.


Sobre as indicações deixadas pela comissão de acompanhamento da privatização da Azores Airlines, Vitor Silva diz que este processo vem provar “algo que temos vindo a dizer: que não basta nomear comissões de acompanhamento. É preciso criar as condições e dar os instrumentos, para que as comissões possam desenvolver o seu trabalho e, acima de tudo, ter a humildade de ouvir as sugestões, recomendações e preocupações, das referidas comissões, o que neste caso especifico não aconteceu”.




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.