Parlamento debate estado da nação em 10 de julho e marca último plenário para 24

Parlamento debate estado da nação em 10 de julho e marca último plenário para 24

 

Lusa/AO Online   Nacional   20 de Mar de 2019, 13:10

O parlamento vai realizar o debate sobre o estado da nação em 10 de julho e o último plenário da sessão legislativa antes das férias em 24 de julho, estabeleceu, esta quarta-feira, a conferência de líderes parlamentares.

Segundo o porta-voz da conferência de líderes, o deputado social-democrata Duarte Pacheco, ficou também agendado que no plenário do dia 24 de abril será discutido o Programa de Estabilidade.

O Governo terá de entregar o documento no parlamento até 15 de abril, podendo os partidos apresentar também projetos de resolução sobre a proposta do executivo até 17 de abril.

No dia seguinte à discussão do Programa de Estabilidade decorrerá a tradicional sessão solene do 25 de Abril na Assembleia da República.

Antes, em 16 de abril, além das apreciações parlamentares apresentadas por BE e PCP sobre a contagem do tempo de serviço dos professores, vai estar em discussão no plenário da Assembleia da República um pacote legislativo do PSD sobre violência doméstica, com os restantes partidos também a apresentarem iniciativas sobre o assunto por arrastamento.

Também nesse dia os deputados debaterão um projeto de resolução do CDS-PP para a constituição de um fundo de emergência de 30 milhões de euros em virtude das alterações climáticas e para combater os efeitos da seca.

A este propósito, o líder parlamentar democrata-cristão, Nuno Magalhães, anunciou que o CDS-PP chamará ao parlamento o ministro da Agricultura para prestar esclarecimentos sobre a situação "cada vez mais preocupante".

Os próximos debates quinzenais com o primeiro-ministro ficaram marcados para 04 e 17 de abril, enquanto "Os Verdes" vão realizar jornadas parlamentares nos dias 08 e 09 de abril.

A próxima conferência de líderes parlamentares ficou agendada para 16 de abril, mas haverá uma reunião extraordinária antes, em 28 de março, para a apresentação das conclusões do grupo de trabalho que tem estado a analisar os procedimentos e o regime de reembolso das despesas por viagens dos deputados, sobretudo às regiões autónomas dos Açores e da Madeira.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.