Palermo foi vendido por 10 euros a empresa sedeada em Londres


 

Lusa/Ao online   Futebol   1 de Dez de 2018, 19:27

O clube italiano de futebol Palermo foi vendido pelo preço simbólico de 10 euros a uma empresa sedeada em Londres, anunciou este sábado Maurizio Zamparini, o antigo proprietário de equipa.

“Pensando apenas no futuro do clube e nos seus adeptos, é com um nó na garganta, que anuncio a minha saída”, escreveu Zamparini num comunicado divulgado na página oficial do Palermo.

Segundo Maurizio Zamparini, o clube, que atualmente milita no segundo escalão do futebol italiano, foi vendido por um preço simbólico, tendo o novo proprietário “assumido o compromisso de pagar a dívida do Palermo, no valor de 22,8 milhões de euros”.

O antigo proprietário, que em 2002 adquiriu o clube por 15 milhões de euros, afirmou que está agendada para a próxima semana uma reunião com os novos donos do clube.

Sob a gestão de Maurizio Zamparini, o Palermo regressou em 2004 à principal liga italiana, depois de 31 anos de ausência.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.