Açoriano Oriental
Covid-19
Organização Mundial de Saúde declara pandemia

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou esta quarta-feira a doença Covid-19 como pandemia.


Foto: EPA/SALVATORE DI NOLFI
Autor: Lusa/AO Online

"Podemos esperar que o número de casos, mortes e países afetados aumente", afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

A OMS justifica a declaração de pandemia com "níveis alarmantes de propagação e inação".

"Os países podem ainda mudar o curso desta pandemia se detetarem, testarem, tratarem, isolarem, rastrearem e mobilizarem as pessoas na resposta", ressalvou Tedros Adhanom Ghebreyesus, na sede da OMS, em Genebra, na Suíça.

O diretor-geral da OMS referiu, em conferência de imprensa, que a epidemia de Covid-19 atingiu o nível de uma pandemia porque há mais de 118 mil casos de infeção em 114 países e 4.291 mortes.

Tedros Adhanom Ghebreyesus lembrou que a declaração de pandemia "não altera o que os países devem fazer" para travar a propagação do novo coronavírus, família de vírus que pode causar infeções respiratórias como pneumonia.

Em Portugal há 59 pessoas diagnosticadas com Covid-19, segundo o mais recente balanço da Direção-Geral da Saúde, hoje divulgado.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.