China

Onze mortos e 120 internados devido a consumo de vinagre contaminado


 

Lusa/AO Online   Internacional   22 de Ago de 2011, 07:56

Onze pessoas morreram e 120 foram hospitalizadas na cidade de Shangzu, na região autónoma de Xinjiang, no oeste da China, por terem ingerido vinagre contaminado, proveniente de recipientes previamente utilizados para armazenar um anticongelante tóxico.

O número de vítimas poderá aumentar, dado o estado crítico de algumas das pessoas internadas, adiantou a agência oficial chinesa Xinhua.

As autoridades da China associam o elevado índice de contaminação registado ao Ramadão, mês durante o qual os muçulmanos – em maioria naquela região chinesa – jejuam durante todo o dia e reúnem-se à noite em grandes grupos para comer.

De acordo com as primeiras análises, as autoridades apontam o éter “etilenglicol” – líquido incolor e com sabor ligeiramente doce – como a causa das intoxicações alimentares e envenenamento.

Além de ser usado como anticongelante dos motores, a substância química é utilizada para fabricar diluentes de pintura e materiais de impressão.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.