OE2012

Nove pontes em 2012 teriam impacto na produtividade

Nove pontes em 2012 teriam impacto na produtividade

 

Lusa/AO online   Economia   25 de Out de 2011, 12:27

O ministro da Economia disse que a alteração do regime de feriados é fundamental para aumentar a produtividade da economia e criar empregos, referindo que sem a sua diminuição em 2012 haveria nove dias de pontes e tolerância de ponto.
"São dias de trabalho que se fossem realizados contribuiriam para aumentar a riqueza nacional, criar empregos e fomentar a produtividade da economia", afirmou Álvaro Santos Pereira perante a Comissão parlamentar da Segurança Social e do Trabalho.

Segundo o governante, em 2011 há sete dias de pontes e tolerâncias de ponto e, sem a diminuição dos feriados, em 2012 seriam nove, em 2013 oito dias e em 2014 sete dias.

O ministro respondia a uma pergunta da deputada do Bloco de Esquerda Mariana Aiveca sobre o impacto dos cortes dos feriados na economia.

"Sabemos bem o impacto [dos feriados e das pontes] na produtividade e produção das empresas", acrescentou.

Já na intervenção inicial perante os deputados, Álvaro Santos Pereira referiu o corte nos feriados como umas das medidas para o "relançamento económico" do país.

A alteração dos feriados será objecto de discussão em concertação social.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.