11 de Setembro

Nova Iorque observa um minuto de silêncio

Nova Iorque observa um minuto de silêncio

 

Lusa/AO online   Internacional   11 de Set de 2008, 15:31

Nova Iorque observou esta quinta-feira um minuto de silêncio em homenagem às vítimas dos atentados contra as Torres Gémeas a 11 de Setembro de 2001, dando início às comemorações do sétimo aniversário do ataque em que morreram quase três mil pessoas.
"Um dia como hoje há sete anos o nosso mundo estilhaçou-se com uma tragédia que nos uniu para sempre numa memória comum e numa história comum", afirmou o presidente da Câmara de Nova Iorque, Michael Bloomberg.

    Os familiares e autoridades que participaram na cerimónia inicial das comemorações, junto ao "ground zero", observaram um minuto de silêncio às 8:46 locais (13:46 em Lisboa), hora exaxta em que o primeiro avião sequestrado chocou contra a torre situada mais a norte em Manhattan.

    Também o presidente norte-americano, George W. Bush, e a sua mulher fizeram um momento de silêncio na Casa Branca à mesma hora e deverão participar depois na inauguração de um memorial em homenagem às vítimas do ataque de 11 de Setembro de 2001 contra o Pentágono.

    As cerimónias do sétimo aniversário dos atentados incluem três outros momentos de silêncio, à hora em que um segundo avião atingiu a segunda torre e depois assinalando as quedas das duas torres, assim como a leitura dos nomes dos cerca de 3.000 mortos do 11 de Setembro.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.