Marinha portuguesa resgata embarcação de pesca espanhola ao largo dos Açores


 

Lusa/AO online   Regional   1 de Nov de 2013, 09:49

O Centro de Salvamento Marítimo de Ponta Delgada resgatou uma embarcação de pesca espanhola que se encontrava a cerca de 600 milhas náuticas da ilha de São Miguel, com um problema na casa das máquinas.

As ações de busca e salvamento da embarcação 'Frances', com sete tripulantes a bordo, foram realizadas quinta-feira após o sinal alerta emitido pelo navio de pesca, de acordo com a nota publicada hoje no sítio da Marinha Portuguesa na Internet.

O Centro Coordenador de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada (MRCC Delgada) pediu o apoio ao seu Centro de Busca e Salvamento das Lajes, da Força Aérea Portuguesa, que enviou para o local um helicóptero e um avião.

Entretanto, o Centro Coordenador de Busca e Salvamento Marítimo de Madrid avançou que a referida embarcação tinha sete tripulantes a bordo e que tinha um alagamento incontrolável na casa das máquinas, mas que uma outra embarcação de pesca espanhola, o 'Bonito II', navegou em seu auxílio, prestando-lhe apoio.

Depois de confirmado o estado de saúde dos tripulantes resgatados, o avião da Força Aérea verificou o estado da embarcação, constatando que esta estava praticamente afundada.

Segundo a informação do mestre da embarcação de pesca 'Bonito II', o navio começou a viagem com destino a Vigo, onde irá desembarcar a tripulação da embarcação acidentada.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.