Líder do PSD/A acusa César de "arrogância e medo"

Líder do PSD/A acusa César de "arrogância e medo"

 

Lusa/AO   Regional   26 de Set de 2008, 12:18

O líder do PSD/Açores acusou hoje o presidente dos socialistas açorianos de recusar um debate a dois na campanha para as eleições regionais de Outubro, alegando que Carlos César demonstra “arrogância e medo” com esta atitude.
“O presidente do Governo está cada vez mais arrogante, logo mais distante dos açorianos, e, simultaneamente, tem medo, porque não tem explicações para os sucessivos falhanços da governação e para a falta de resultados”, afirmou Costa Neves, em conferência de imprensa.

    O dirigente social-democrata açoriano adiantou, ainda, que “tem a certeza” que não vai se realizar um debate entre quem é “presidente do Governo Regional há 12 anos e quem é alternativa” nas eleições legislativas de 19 de Outubro.

    “Eu lamento profundamente que assim seja”, disse Carlos Costa Neves, para quem “60 minutos de debate limpo, sério e honesto” entre os dois líderes partidários contribuiria mais para a informação dos eleitores do que o “dispêndio da campanha”.

    Segundo o presidente do PSD/Açores, a população do arquipélago “claramente quer este debate” entre Carlos César, que preside ao Governo Regional desde 1996, e Costa Neves, que lidera o maior partido da oposição.

    Adiantou, também, que serviço público de rádio e televisão dos Açores “estava disponível para fazer este debate” a dois, mas que “tem a informação do PS de Carlos César de que este debate não se fará”.

    Agendado para 15 de Outubro está já um debate entre todos os candidatos, além de entrevistas individuais na RTP/Açores, disse Costa Neves, para quem estas iniciativas “não substituem” os debates a dois.

    Contactado pela agência Lusa, o PS/Açores remeteu para mais tarde uma posição sobre este assunto.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.