Kimi Raikkonen conserva título de campeão do Mundo

Kimi Raikkonen conserva título de campeão do Mundo

 

Lusa/AO   Motores   16 de Nov de 2007, 18:32

O Tribunal de Apelos da Federação Internacional do Automóvel (FIA) negou, hoje, provimento ao recurso da McLaren-Mercedes e o finlandês Kimmi Raikkonen (Ferrari) mantém assim o seu título mundial de Fórmula 1, conquistado no Grande Prémio do Brasil
"Ouvidas as explicações das partes e examinados vários documentos e outros meios de prova, o Tribunal decidiu que o recurso interposto pela McLaren-Mercedes é inadmissível", lê-se num comunicado do organismo.
A equipa britânica pretendia que os pilotos da BMW-Sauber e da Williams-Toyota, que terminaram a derradeira prova do mundial, em São Paulo, nos quarto, quinto, sexto e 10º postos, fossem desclassificados por terem recorrido a combustível alegadamente a uma temperatura irregular, por ser mais baixa em 10 graus que a temperatura ambiente no circuito Carlos Pace.
Como o piloto inglês da McLaren Lewis Hamilton, colega de equipa do bicampeão do Mundo espanhol, Fernando Alonso, tinha terminado a corrida no sétimo posto, caso fosse dado provimento ao apelo, poderia comemorar o título de campeão do Mundo, no seu ano de estreia no "Grande Circo".
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.