Açoriano Oriental
João Henriques quer ficar na história do Santa Clara

O treinador do Santa Clara não escondeu ontem que quer ficar na história do Santa Clara após a conclusão da temporada em curso.

João Henriques quer ficar na história do Santa Clara

Autor: Arthur Melo

Num discurso em jeito de despedida, João Henriques vincou que esta tarde, frente ao Vitória de Guimarães, pretende atingir mais um registo histórico para os açorianos na I Liga.

“Objetivo claro é vencer para chegarmos aos 45 pontos. Neste momento é a nossa meta”, realçou o técnico em conferência de imprensa na Cidade do Futebol, concretizando que para o encontro desta tarde “um bom resultado é vencer, tal como fazemos em qualquer jornada e a última não foge à regra”.

O técnico de 47 anos, que termina contrato no final da época, realçou que aquilo que mais o orgulha nos dois anos de passagem pelos Açores foi ter conseguido duas manutenções consecutivas, o que é histórico para si, mas também para o clube açoriano.

“Conseguir fazer com que o Santa Clara esteja a terceira época consecutiva na I Liga. Isso é o facto mais extraordinário para o clube, porque sinto que, assim, fiz parte deste clube que é centenário, já está no seu centenário praticamente”, disse.

João Henriques não escondeu, também, o orgulho que sente pelo facto de ter contribuído para a afirmação do Santa Clara enquanto embaixador do futebol dos Açores no panorama nacional.

“Ajudá-lo a crescer e a sustentá-lo para ser a bandeira da região, como símbolo do desporto, do futebol nesse caso, de uma região que está extremamente orgulhosa com o Santa Clara”, realçou o treinador.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.