Médio Oriente

Israel pede a Itália que mantenha comando da FINUL


 

Lusa / AO online   Internacional   29 de Out de 2009, 10:22

Israel pediu a Itália que tente manter o comando da Força das Nações Unidas para o Líbano (FINUL) em vez de o transmitir para um militar espanhol, segundo um responsável israelita.
"O primeiro-ministro israelita Benjamin Netanyahu telefonou, na semana passada, ao chefe do governo italiano, Silvio Berlusconi, e pediu-lhe que tente manter no seu posto o actual comandante da FINUL, general italiano Claudio Graziano", disse à agência France Presse (AFP) o responsável, que pediu para não ser identificado.

O mandato do general Graziano deve terminar nas próximas semanas, estando prevista a passagem do comando da FINUL para um militar espanhol.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.