IPMA mantém previsões para os Açores devido a tempestade tropical "Helene"

IPMA mantém previsões para os Açores devido a tempestade tropical "Helene"

 

Lusa/Ao online   Regional   15 de Set de 2018, 09:28

 O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) manteve na tarde de sexta feira as previsões da trajetória da tempestade tropical "Helene", que deverá atravessar o arquipélago entre os grupos Ocidental e Central.

Num comunicado enviado às redações para atualização das informações relativas à tempestade, o IPMA prevê "a probabilidade entre 60% e 90% de as ilhas dos grupos Ocidental e Central começarem a sofrer os efeitos desta tempestade (aumento gradual da intensidade do vento e agitação marítima e ocorrência de precipitação pontualmente forte) a partir das 06:00 (hora dos Açores)”.

Inicialmente a tempestade irá atingir as ilhas Flores e Corvo (grupo Ocidental), estendendo-se gradualmente às ilhas do grupo Central (Terceira, Graciosa, Pico, Faial e São Jorge).

Segundo as previsões, as rajadas de vento poderão chegar até 120 quilómetros por hora e as ondas aos oito metros de altura significativa de sul.

Quanto às ilhas do grupo Oriental (São Miguel e Santa Maria), com "o céu a apresentar-se muito nublado, prevê-se que ocorram precipitação temporariamente forte e rajadas que poderão atingir os 85 quilómetros por hora", adianta o comunicado.

“Espera-se ainda que, a partir das 06:00 (hora dos Açores) de domingo, este ciclone passe para a categoria de pós-tropical/extratropical”, acrescenta o IPMA, que mantém para sábado o aviso vermelho, relativo a precipitação, para as ilhas das Flores e Corvo.

A Proteção Civil dos Açores anunciou esta tarde que vai reforçar hoje os meios humanos no grupo Ocidental, enviando um dispositivo operacional e uma equipa da Direção Regional de Saúde para as Flores e o Corvo por causa da tempestade “Helene”, que já foi um furacão de categoria 2.

Em comunicado, o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) adiantou ainda que "as diversas entidades com responsabilidade no âmbito da Proteção Civil estarão todas de prevenção a partir de sábado, nomeadamente os Serviços Municipais de Proteção Civil, as direções regionais das Obras Públicas e Comunicações, do Ambiente e da Saúde, assim como todas as 17 corporações de bombeiros da região".



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.