Açoriano Oriental
Instituto Rainha Sofia de Nova Iorque distinguiu Banderas e Hillary Clinton
A rainha Sofia entregou na noite de terça-feira em Nova Iorque a medalha de ouro do instituto que tem o seu nome ao ator Antonio Banderas e à ex-secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton.
Instituto Rainha Sofia de Nova Iorque distinguiu Banderas e Hillary Clinton

Autor: Lusa/AO online

A distinção foi feita pela contribuição de ambos para as relações entre os Estados Unidos e os países hispânicos.

A cerimónia teve lugar no hotel Waldorf Astoria de Nova Iorque e teve como anfitrião o estilista Óscar de la Renta, diretor do Instituto Rainha Sofia de Nova Iorque, e as medalhas foram entregues pelo ator Michael Douglas e pelo Nobel da Paz e ex-secretário de Estado norte-americano Henry Kissinger.

A rainha Sofia afirmou, aquando da entrega da medalha a Banderas, que o ator é um “firme defensor dos interesses” de Espanha, muito especialmente do “estreitamento das relações entre os Estados Unidos e Espanha”.

“Estou a receber esta honra que aceito porque sou parte de uma geração de espanhóis que, com a chegada da democracia, tivemos uma plataforma e um espaço nos quais era possível libertar-nos. A rainha Sofia foi uma forte e entusiasta defensora dessa liberdade universal e artística”, disse Banderas, considerado este ano como embaixador da marca Espanha.

O Instituto Rainha Sofia, fundado em 1954, dedica-se à promoção da cultura dos países hispânicos nos Estados Unidos, através de diversos programas, nomeadamente do ensino do espanhol ou cursos especializados de ciência, direito ou negócios.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.