Grupo FDO investe 45 milhões de euros no centro comercial


 

Lusa / AO online   Economia   20 de Nov de 2007, 11:13

O Grupo FDO, de Braga, abre na Primavera de 2009 o centro comercial VIVACI Maia, um investimento de 45 milhões de euros, que criará 1300 postos de trabalho, anunciou a empresa.
A fonte adiantou que o VIVACI Maia terá 114 lojas, entre as quais um supermercado, zonas de lazer e 19 restaurantes, sendo servido por um parque de estacionamento coberto com 1.000 lugares.

A zona comercial e de lazer terá uma área bruta de construção total (ABC) de 59.000 m2 e uma área bruta locável (ABL) de 19.300 m2, cuja comercialização está em curso.

O centro comercial ficará situado na Zona Industrial, do lugar das Guardeiras, em Moreira da Maia.

O empreendimento, cuja construção já foi iniciada pela firma do grupo FDO Imobiliária, soma-se a outros dois empreendimentos em construção na Guarda e nas Caldas da Rainha, ambos com abertura prevista para o final de 2008.

Fundado em 1980, o Grupo FDO tem como principais áreas de negócio os sectores da construção civil e obras públicas, promoção imobiliária, centros comerciais, hotelaria, serviços e parques de estacionamento.

Em 2006, o volume de negócios do Grupo ultrapassou os 120 milhões de euros, parte do qual conseguido além fronteiras, nas sucursais de França, Espanha, Angola, Marrocos e Polónia.

Em 2007 o Grupo apostou numa marca própria "VIVACI - Centros Comerciais" para a construção até 2011 de 10 centros comerciais em Portugal.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.