Assembleia Legislativa Regional

Governo e oposição têm visões opostas da realidade regional

 Governo e oposição têm visões opostas da realidade regional

 

Lusa / AO online   Regional   24 de Nov de 2009, 15:47

Duas visões diametralmente opostas sobre a realidade dos Açores foram esta terça-feira apresentadas no parlamento regional pelo governo socialista e pela oposição social-democrata, na abertura do debate sobre as propostas de Plano e Orçamento para 2010.
 No discurso de abertura, o vice-presidente do governo regional, Sérgio Ávila defendeu que a região está na “trajectória correcta”, considerando que o governo conseguiu que os efeitos da crise internacional chegassem mais tarde aos Açores e sejam menos gravosos, estando confiante que a retoma económica será atingida “mais rapidamente”.

Sérgio Ávila defendeu ainda que as opções de desenvolvimento adoptadas pelo executivo regional “foram indispensáveis para enfrentar com positivismo e confiança realista e consciente os novos desafios de desenvolvimento”.

Opinião diferente apresentou António Marinho, líder parlamentar do PSD, para quem o discurso de Sérgio Ávila representou “o esforço anual do governo para apresentar um sucesso que as pessoas não compreendem, porque não o sentem”.

Na sua intervenção, António Marinho considerou que algumas das medidas apresentadas pelo executivo “até podem intensificar a situação má porque passam as famílias e empresas”, oferecendo a contribuição dos social-democratas para ajudar a ultrapassar a crise.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.