Açoriano Oriental
Governo dos Açores garante que há uma "redução substancial" nos avales concedidos

O Governo dos Açores disse que há uma "redução substancial" dos montantes relativos aos avales e cartas de conforto concedidos entre 2018 e 2019, apesar dos 260 milhões de euros verificados no ano passado.

Governo dos Açores garante que há uma "redução substancial" nos avales concedidos

Autor: Lusa/AO Online

"Há uma redução substancial no montante dos avales concedidos, também tendo em conta a extinção da Saúdaçor, e por via disso, os Açores tiveram, no final de 2019, menos 691,7 milhões de avales concedidos, do que no ano de 2018, explicou à Lusa o vice-presidente do executivo regional, Sérgio Ávila.

Segundo o governante, esta redução no montante de garantias bancárias resulta, em grande parte, da extinção da Saúdaçor, uma sociedade anónima criada pelo Governo para financiamento do setor da Saúde na região, que deixou de fazer parte do setor público empresarial regional, no ano passado.

Sérgio Ávila ressalvou também que este tipo de garantias bancárias "não têm qualquer impacto" nas contas públicas da Região, na medida em que funcionam apenas como uma garantia suplementar que as empresas utilizam junto da banca "para garantirem financiamentos com menor custo", gerando assim uma "poupança efetiva" nas suas contas.

De acordo com a Conta da Região de 2019, agora divulgada, o Governo dos Açores concedeu, o ano passado, 10 avales às empresas públicas da região, num montante superior a 195 milhões de euros, e também concedeu 17 cartas de conforto, no valor de 65 milhões.

Os 10 avales concedidos pelo executivo durante o ano passado tinham como beneficiários o IROA - Instituto Regional de Ordenamento Agrário, a Ilhas de Valor, a Saudaçor (entretanto extinta), a Azorina, a Portos dos Açores e a Lotaçor.

Quanto às 17 cartas de conforto, num montante de 65,6 milhões de euros, destinaram-se à Sata Air Açores, à fábrica de conservas de Santa Catarina, à Lotaçor, à Atlânticoline, à Sinaga e ao Teatro Micaelense.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.