Açoriano Oriental
FPAK surpreendida com cancelamento da prova

Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting revela que foi apanhada de surpresa com o cancelamento do Azores Rallye

FPAK surpreendida com cancelamento da prova

Autor: Arthur Melo

Foi com surpresa e deceção que a Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting (FPAK) tomou conhecimento do adiamento do Azores Rallye, prova organizada pelo Grupo Desportivo Comercial (GDC).

Mais de 24 horas depois do anúncio oficial feito pela Comissão Organizadora da prova, o organismo liderado por Ni Amorim adianta, em comunicado, que recebeu a informação da decisão do “cancelamento do Azores Rallye por parte do GDC com surpresa total”.

O comunicado, que foi tornado público ao final da tarde de terça-feira na página oficial do organismo na rede social Facebook, adianta também o seu desapontamento pela decisão que o GDC anunciou na tarde de segunda-feira.

“Os contactos regulares entre a FPAK e o GDC em nada previam este desfecho, sobretudo dada a proximidade da realização da prova. De tudo fizemos nos últimos meses para garantir a realização do evento e não podíamos estar mais dececionados com esta notícia”, reforça.

A FPAK lamenta que a decisão de não realizar, entre 17 e 19 de setembro, o Azores Rallye, seja passível de causar transtornos à equipas que já tinham procedido à sua inscrição, informando ainda que está “a enveredar todos os esforços para encontrar uma prova alternativa que permita dar ao Campeonato Portugal de Ralis o protagonismo que merece”.

Recorde-se que o Azores Rallye seria a terceira prova do Campeonato da Europa, quinta do Campeonato de Portugal e prova de abertura do Campeonato dos Açores de Ralis.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.