Filme "A Gaiola Dourada" em exibição no MoMa de Nova Iorque em 2014

Filme "A Gaiola Dourada" em exibição no MoMa de Nova Iorque em 2014

 

Lusa/AO Online   Nacional   9 de Nov de 2013, 17:24

O filme "A Gaiola Dourada" vai ser exibido em março ou abril do próximo ano no Museu de Arte Moderna (MoMa) de Nova Iorque, disse hoje em Bruxelas o realizador, Ruben Alves.

O realizador português, residente em França e cujo filme é um êxito de bilheteira e já estreou em mais de dez países, disse à agência Lusa, à margem da iniciativa "Matiné Pensante", que o filme será exibido no MoMa "entre o final de março e o início de abril", no âmbito de uma semana dedicada ao tema da emigração.

A segunda edição da "Matiné Pensante", um conjunto de conferências sobre a cultura e as novas tendências em Portugal, juntou hoje em Bruxelas cerca de 200 pessoas, tendo como oradores convidados personalidades como o comediante Nilton, o chefe de cozinha José Avillez ou o realizador Ruben Alves.

O evento, que decorreu na associação cultural "Le Bouche à Oreille" e é apoiado pela Representação Permanente na União Europeia (REPER), por vários eurodeputados e pela comunidade portuguesa em Bruxelas, foi inspirado pelas célebres "Ted Talks", conferências organizadas pela fundação norte-americana Ted sobre temas diversos e que contam com milhões de espetadores em todo o mundo.

"Foi uma espécie de tentativa de reação à crise que vivemos, para promover Portugal", afirmou à Lusa Ana Faria, uma das principais organizadoras deste projeto e que vive há 18 anos na capital belga.

A responsável referiu que o projeto inicial era dedicado aos estudantes da Escola Europeia, em Bruxelas, mas que depois se alargou, tendo nesta segunda edição contado com mais de 150 inscritos.

Para 2014 está prevista uma terceira edição, dedicada à língua portuguesa no mundo, adiantou Ana Faria.

"Queremos convidar pessoas de todos os países de língua oficial portuguesa, para discutir a importância da língua e da cultura portuguesas no mundo", afirmou.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.