Erro humano esteve na origem do acidente aéreo em Santa Maria

Erro humano esteve na origem do acidente aéreo em Santa Maria

 

Lusa/AO Online   Regional   8 de Fev de 2019, 07:35

O acidente do Boeing 707, da Independent Air, com 144 pessoas a bordo, que aconteceu há 30 anos em santa Maria, deveu-se "à inobservância da tripulação dos procedimentos operacionais estabelecidos”, concluiu a extinta Direção-Geral da Aviação Civil.

O relatório, finalizado três anos após o acidente aéreo, adianta que, o facto de não se ter observado as questões operacionais, “conduziu à descida deliberada do avião para 2.000 pés, desrespeitando a altitude mínima naquela zona, que era de 3.000 pés".

O documento revela que contribuiu para a situação "a deficiente técnica de comunicações" do copiloto, que iniciou o seu 'read back' (confirmação) da autorização de descida para 3.000 pés fornecida pelo controlador aéreo, antes de este ter terminado a sua mensagem, o que originou uma sobreposição de comunicações e a consequente confusão/erro na transmissão/receção da mensagem.

O acidente aéreo seria atualmente “perfeitamente evitável” pois a ilha tem cobertura radar, o que não se verificava na altura, explicou, entretanto, à Lusa o antigo presidente da Associação dos Pilotos Portugueses de Linha Aérea (APPLA), Pedro Santa Barbara.

Depois do acidente todos os operadores turísticos cancelaram os voos fretados à Independent Air, o que levou a que a companhia de charter norte-americana encerrasse.

Já se registaram mais cinco acidentes aéreos nos Açores, o mais recente dos quais na ilha de São Jorge, em 11 de dezembro de 1999, quando um ATP da SATA Air Açores se despenhou com 35 ocupantes.

O acidente de Santa Maria deu origem a um livro do açoriano Francisco Cunha, obra que foi divulgada pela primeira vez em inglês no início do ano.

A obra, cuja versão original foi lançada em setembro de 2016, recorre a documentos oficiais, como ilustrações técnicas, mapas, entrevistas e fotos, culminando numa reconstituição dos momentos que ditaram a tragédia.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.