“É uma enorme responsabilidade ter a segurança dos pilotos nas nossas mãos”

“É uma enorme responsabilidade ter a segurança dos pilotos nas nossas mãos”

 

Rui Jorge Cabral   Motores   25 de Jun de 2019, 09:39

João Câmara, micaelense de 37 anos vive nas Astúrias, onde exerce as funções de gerente e coordenador desportivo, organizando muitos dos testes das equipas do Campeonato do Mundo de Ralis (WRC) em Espanha. Para trás, ficou a formação em topografia e um velho sonho de ser piloto.

O seu gosto pelos ralis vem de muito cedo. Porque não foi piloto, como o seu irmão Pedro Câmara?
De facto aos 10 anos de idade já tínhamos este gosto bem enraizado e nessa altura já gravávamos em cassetes os diretos do Rallye de Portugal – Vinho do Porto, que para quem não se lembra, eram horas de emissão, bem como o programa ‘Rotações’ e tudo o que tivesse ralis pelo meio.
O meu irmão Pedro, que é apenas ano e meio mais velho, foi o meu companheiro mais chegado nesta caminhada... Revíamos incontáveis vezes aquelas cassetes, assimilávamos as técnicas de pilotagem, as trajetórias e os diferentes estilos de pilotagem.


Pode ler a entrevista na íntegra na edição desta terça-feira, 25 junho 2019, do jornal Açoriano Oriental


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.