Açoriano Oriental
Dom Carlos Azevedo preside à missa campal das Festas do Divino Espírito Santo de Ponta delgada

Dom Carlos Azevedo, Bispo do Conselho Pontífice da Cultura do Vaticano, avançou na Missa da Coroação, na manhã deste domingo, que o Espírito Santo transforma-nos, “dá alegria, não oprime e indica projetos felizes” e “dá-nos abertura para entender a palavra de Deus”.

Dom Carlos Azevedo preside à missa campal das Festas do Divino Espírito Santo de Ponta delgada

Autor: AO Online

“O Espírito Santo ajuda-nos a mover montanhas que parecem intransponíveis e a retirar-nos do isolamento”, reforçou o bispo português, acrescentando que “o verdadeiro culto traduz-se no serviço ao público”.

“Todas as pessoas empenhadas na política, nas questões sociais, devem estar munidas de uma grande capacidade de discernimento” e ter “perceção da paz fruto da justiça”, sustentou.

O convidado de honra das Grandes Festas do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada defendeu que “ter misericórdia numa Europa em crise profunda é compreender a amplitude dos problemas, com as suas consequências, económicas, sindicais, empresariais, associativas; é mover energia para um novo modelo de desenvolvimento que permita cada ser humano ser amado”. “O modelo de desenvolvimento que domina o mundo, complexo e global, obriga-nos a definir estratégias de intervenção eficaz criadoras de proximidade”, alertou, apontando que a “exclusão é monstruosa e está a ser promovida por alguns políticos europeus” e que o “Espírito Santo move-nos, inclina-nos para cuidar com ternura dos males da nossa sociedade”.

A missa campal, que teve lugar no Largo da Matriz, foi concelebrada por vários sacerdotes, entre eles o pároco da Matriz, Pe Nemésio Medeiros, o Cónego António Rego, que desde a primeira hora tem sido uma presença constante nesta festa, e Dom Carlos Azevedo. Foi, ainda, acompanhada pelo Coral de São Sebastião.

Participaram na celebração eucarística, entre outras entidades, o executivo camarário, os convidados das festas (presidente e vice-presidente da Câmara Municipal de Alenquer e o presidente das Grandes Festas de Nova Inglaterra), mordomos de todo o concelho e centenas de devotos.

A coleta da missa campal reverterá a favor de uma instituição de idosos em São Tomé e Príncipe.

Após a Missa da Coroação teve lugar o tradicional Bodo de Leite, nas Portas da Cidade, em mais um momento de partilha e de proximidade, características das Grandes Festas do Divino Espírito Santo de Ponta Delgada.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.