Ambiente

Conversão de água residual em água potável na Califórnia


 

Lusa / AO online   Internacional   28 de Nov de 2007, 10:39

As águas residuais do Condado de Orange, na Califórnia, serão recicladas até se converterem em água potável e própria para consumo, um processo que terá início sexta-feira, noticiou terça-feira a edição digital do New York Times.
Segundo os especialistas, este novo projecto, que recorre à purificação da água através de vários filtros e ao uso de componentes químicos, será o maior a nível mundial dedicado a recuperar água das cisternas para o consumo humano.

Este tipo de técnica, que se pratica a grande escala e com êxito na capital da Namíbia, Windhoek, poderá ser a solução para territórios onde a seca é uma constante, como acontece em várias zonas da Califórnia.

"Este tipo de projectos vai começar a ser desenvolvido em todos os lugares onde exista uma grave escassez de água", afirmou Michael R. Marcus, director-geral dos recursos hídricos do Condado de Orange, em declarações ao jornal The New York Times.

Contudo, até ao momento, a maioria da população tem-se revelado reticente à ideia de que a reciclagem possa ser eficaz ao ponto de limpar tão bem a água dos seus detritos até ser bebível.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.