Açoriano Oriental
Sábado, dia 25 de janeiro
Companhia Nacional de Bailado no Teatro Micaelense

A Companhia Nacional de Bailado está de regresso ao Teatro Micaelense, onde pisa o palco sábado, dia 25 de janeiro, pelas 21h30, altura em que decorrerá a apresentação de ‘Adagio Hammerklavier’, ‘Short Cut’ e ‘In the Future’, três peças coreografadas por Hans van Manen.


Foto: Direitos Reservados
Autor: Susete Rodrigues/AO Online


Refira-se que a Companhia Nacional de Bailado foi criada por iniciativa do Governo de Portugal, em 1977. Ao longo das quatro décadas tem apresentado obras de referência do reportório internacional, quer as incontornáveis do clássico, quanto as de coreógrafos como Balanchine, De Keersmaeker, Forsythe, Joos, Kylián, Limon, van Manen ou Spöerli.

‘Adagio Hammerklavier’ é reconhecido mundialmente como um dos clássicos do século XX. Esta é uma peça para três pares de bailarinos, coreografada sobre a sonata para piano de Beethoven, no. 29, opus 106.

‘Short Cut’, foi criada em 1999 e é uma peça para quatro bailarinos. Hans van Manen inspira-se na partitura de Jacob ter Veldhuis e tira partido das tonalidades, do ritmo e da poesia desta obra.

‘In the future’, foi coreografado originalmente para o Ballet Scapino de Rotterdão em 1986, é uma peça enérgica, divertida e surpreendente, criada para doze bailarinos com a música de David Byrne e figurinos de Keso Dekker.

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.