CM Ribeira Grande repudia acusações do PS

CM Ribeira Grande repudia acusações do PS

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   18 de Abr de 2019, 15:19

A Câmara Municipal da Ribeira Grande diz que o contrato “de prestação de serviços de domínio artístico de promoção do concelho com a atuação do artista Kevinho foi no valor de 104.500 mil euros mais o IVA, onde se inclui o cachet, despesas de organização, segurança, promoção e capacitação técnica do evento (aluguer do espaço)”.

Num esclarecimento enviado às redações, a autarquia da Ribeira Grande refere ser “falso” que “tenha pago 184 mil euros ao artista MC Kevinho pelo concerto que teve lugar no passado dia 14 de abril no pavilhão da Associação Agrícola de São Miguel”, tendo sido de 69 mil euro o valor do cachet.


Explica a Câmara da Ribeira Grande que a “promoção do evento (incluída no contrato de prestação de serviços), começou antes da presença do município na BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, durante a mesma e após, através, e não só, da rádio Cidade FM, que pertence ao grupo MCR – Média Capital Rádio”.


“A divulgação e promoção da Ribeira Grande teve um alcance a nível nacional e internacional, quer através da rádio, quer através dos diversos canais comunicacionais do grupo, do artista e outros. A aposta em artistas de renome internacional corresponde às recomendações do Plano Estratégico do Turismo da Ribeira Grande. Todo o procedimento contratual regeu-se sob as regras orçamentais em vigor e respeitando todos os trâmites legais, como tem sido apanágio desta autarquia e como comprovam os dados relativos à Transparência Municipal”, lê-se ainda na nota.


A Câmara Municipal da Ribeira Grande “lamenta o aproveitamento político que o PS/Ribeira Grande fez deste assunto, limitando-se à crítica sem apresentar qualquer proposta para a melhoria da qualidade de vida dos ribeiragrandenses”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.