CDS/Açores quer intercâmbio entre universitários do continente e das regiões autónomas

CDS/Açores quer intercâmbio entre universitários do continente e das regiões autónomas

 

AO Online/ Lusa   Regional   21 de Set de 2019, 01:16

 O CDS-PP dos Açores vai apresentar uma proposta para a criação de um programa de intercâmbio entre estudantes de ensino superior do continente, dos Açores e da Madeira, anunciou esta sexta feira o líder da estrutura regional do partido.

"Os Açores são a fronteira atlântica de Portugal. Os Açores dão a dimensão atlântica a Portugal. No entanto, nos tempos de hoje – em que há uma panóplia de meios de comunicação social, de multimédia, de redes sociais – o desconhecimento da realidade açoriana continua a ser preocupante. Há quem ainda se refira a Portugal como sendo apenas o continente", começou por referir o centrista, citado em nota de imprensa do partido.

Nesse sentido, prosseguiu, "é preciso que se comece a pôr os Açores no mapa e no roteiro de Portugal".

E concretizou: "O CDS dá mais um contributo nesse sentido. O contributo que o CDS dá é a criação de um programa do tipo Erasmus para as regiões autónomas, que permita o intercâmbio entre estudantes dos Açores, do continente e do arquipélago da Madeira. Um programa que deve ser financiado pelo Governo Regional e pelo Governo da República, da responsabilidade de ambos".

Para o CDS, o avançar deste programa motivará, nas camadas estudantis, a promoção dos Açores e da "realidade arquipelágica" das nove ilhas.

O programa, admite Artur Lima, "tem de ser absolutamente financiado", sendo que "relativamente ao alojamento, poder-se-á replicar o modelo atualmente utilizado para o programa Erasmus, que é o de reservar vagas nas residências universitárias para os estudantes abrangidos e permitir que utilizem as respostas sociais e as estruturas de serviços existentes, como a cantina universitária".

A proposta, diz o CDS, "tem como principal finalidade o reforço da coesão social e territorial entre todos os portugueses, quer do continente, quer dos Açores, quer da Madeira".

No Orçamento dos Açores para 2019, o CDS conseguiu introduzir uma medida também direcionada aos universitários: um prémio de mérito de 500 euros para os estudantes do arquipélago que entrem no Ensino Superior.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.