Eleições Autárquicas

Cavaco Silva lamenta incidente "profundamente grave" em Ermelo

Cavaco Silva lamenta incidente "profundamente grave" em Ermelo

 

Lusa/AO online   Nacional   11 de Out de 2009, 14:31

O Presidente da República lamentou hoje o incidente “profundamente grave” que ocorreu em Ermelo, Vila Real, à entrada de uma assembleia da voto, do qual resultou um morto, mas sublinhou tratar-se de um “triste acontecimento” que destoa da normalidade.

“Lamento profundamente o grave incidente que teve lugar no distrito de Vila Real, em que uma pessoa perdeu a vida. Quero enviar sentidas condolências aos familiares”, afirmou Aníbal Cavaco Silva, em declarações aos jornalistas à saída da escola em Lisboa onde votou para as eleições autárquicas. Contudo, ressalvou, “este triste acontecimento apenas destoa na normalidade com que em todo o país estão a decorrer as eleições autárquicas”. Esta manhã, ainda antes da abertura das urnas, à entrada de uma mesa de voto em Fervença, freguesia de Ermelo, no distrito de Vila Real, um homem foi morto a tiro. Segundo fonte policial, a vítima era marido da presidente da Junta de Freguesia (PSD) e o autor do disparo, que se encontra em fuga, é o candidato do PS ao mesmo órgão autárquico.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.