Açoriano Oriental
Carlos Queiroz em encontro de seleccionadores em Viena
Os seleccionadores dos 53 países membros da UEFA, entre os quais Carlos Queiroz, participam, em Viena, numa reunião de técnicos que visa a análise da evolução do jogo e da arbitragem no futebol
Carlos Queiroz em encontro de seleccionadores em Viena

Autor: LUSA/AO
Num modelo posto em prática a cada dois anos e a seguir a grandes torneios, Europeus ou Mundiais, os seleccionadores e directores desportivos de cada federação voltam a debater ideias, segundo explicou a própria UEFA.
"A cada dois anos, após uma grande competição, Euro ou Mundial, os seleccionadores e directores técnicos encontram-se para trocar ideias e novas tendências, que incluem também a Liga dos Campeões", especificou Andy Roxburgh, director da UEFA.
Da parte de Portugal a reunião conta com Carlos Queiroz, que substituiu o brasileiro Luiz Felipe Scolari no cargo após o Euro2008, e com Carlos Godinho, director desportivo da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).
Luís Aragonés, seleccionador que levou a Espanha ao título europeu, Marcello Lippi, campeão mundial em título pela Itália, e o brasileiro Carlos Alberto Parreira, campeão mundial em 1994, são os convidados de honra do encontro, que vai na sua oitava edição. 
Na ordem de trabalhos da reunião figuram aspectos como a evolução do jogo, com o regresso a um modelo mais ofensivo, e as questões da arbitragem.
"Sem dúvida que será debatido o regresso dos extremos no ataque e o reposicionamento dos números 10", disse, entretanto, o director de comunicação William Gaillard, braço direito de Michel Platini, presidente da UEFA.
Gaillard revelou também que as questões relativas a clubes terão menos peso do que tiveram no encontro de há dois anos, e isto devido a ao acordo alcançado para a dissolução do G14, desde o início deste ano.
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.