Carlos Moedas inicia hoje Roteiro da Ciência nos Açores

Carlos Moedas inicia hoje Roteiro da Ciência nos Açores

 

Ana Carvalho Melo   Regional   24 de Jul de 2019, 14:47

O Comissário Europeu para a Investigação, Ciência e Inovação inicia hoje uma visita de três dias aos Açores, uma deslocação oficial que encerra o Roteiro da Ciência que foi promovido em várias regiões e cidades portuguesas por este responsável europeu.


De acordo com o Boletim Informativo da Comissão Europeia, como nas demais etapas do Roteiro da Ciência, o Comissário Carlos Moedas irá promover contactos próximos com a Universidade, laboratórios, centros de investigação, start-ups e PME com elevados índices de investimento em inovação.
“É um gosto enorme estar nos Açores, onde a Europa começa. Os Açores mostram a diversidade que constitui o continente europeu e, pela sua geografia, demonstram o contributo português para uma Europa com visão virada para o Atlântico”, afirma carlos Moedas.
O comissário Europeu destaca ainda que visita os Açores a convite de Vasco Cordeiro.
“Desenvolvi um Roteiro da Ciência para conhecer o melhor que se faz em Portugal. Dedico agora esta 7ª edição aos Açores, a convite do Governo Regional”, disse, explicando: “Venho também divulgar junto da comunidade científica e empresarial todas as oportunidades dos fundos europeus da ciência e inovação”.
Da agenda desta deslocação constam, hoje, um encontro como o Presidente do Governo, Vasco Cordeiro, no Palácio de Santana, ao que se seguirá uma visita ao Campus de Ponta Delgada da Universidade dos Açores.
Na quinta-feira, o Comissário Carlos Moedas, que será acompanhado nesta deslocação aos Açores pelo Secretário Regional do Mar, Ciência e Tecnologia, Gui Menezes, desloca-se ao NONAGON, onde ficará a conhecer a atividade dos Parques de Ciência e Tecnologia de São Miguel e da Terceira, inteirando-se, depois, do andamento do Atlantic Internacional Research Center (AIR Center), do Azores Internacional Satellite Launch Programme e do projeto Forward.
Ainda durante este dia, está previsto um encontro sobre o futuro da ciência na Europa e o papel dos Açores, com a participação de investigadores, professores universitários e representantes de start-ups e do sistema tecnológico e empresarial regional, assim como uma visita à Central Geotérmica do Pico Vermelho.
Na sexta-feira, já na ilha do Faial, Carlos Moedas visita o submarino Lula, da fundação Rebikoff-Niggeler, o Departamento de Oceanografia e Pescas da Universidade dos Açores, o Deep-SeaLab, do Instituto do Mar, e o Centro de Interpretação do Vulcão dos Capelinhos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.