Candidatura do BE em Ponta Delgada condena projeto de incineração

Candidatura do BE em Ponta Delgada condena projeto de incineração

 

Lusa/AO online   Regional   26 de Set de 2013, 15:15

A candidatura do BE à câmara de Ponta Delgada condenou o projeto da incineradora de S. Miguel por haver outras soluções com mais vantagens ambientais e económicas, reiterando a proposta de um referendo local sobre a matéria.

 

“Achamos que é uma péssima solução de tratamento de resíduos essa incineração, porquanto tem riscos para a saúde pública e tem custos muito mais elevados do que qualquer tratamento biológico e biomecânico dos resíduos, e compostagem e triagem dos mesmos”, afirmou Kol de Carvalho, acrescentando que é ainda a opção que cria menos postos de trabalho.

O independente que encabeça a lista da candidatura do BE à câmara de Ponta Delgada nas eleições autárquicas de domingo falava à margem de uma visita ao EcoParque de S. Miguel, da associação de municípios da ilha, onde se faz tratamento de resíduos.

Kol de Carvalho criticou que a valorização de resíduos se traduza, na prática, na “ideia do Governo [Regional dos Açores] de incinerar todos os resíduos”, contrariando o próprio plano estratégico para o tratamento de resíduos do executivo.

No final da visita, Kol de Carvalho referiu que assistiu, por outro lado, a “uma deficiente triagem dos resíduos”, defendendo melhorias nesta matéria.

A líder do BE/Açores, Zuraida Soares, reiterou, por seu turno, que o Bloco defende a realização de referendos locais em todos os concelhos das ilhas de S. Miguel e Terceira, “que estão fatalmente destinadas a serem depósitos de uma incineradora”, tendo as populações direito a serem informadas sobre o que está em causa e pronunciarem-se sobre o assunto.

Zuraida Soares considerou que os projetos de incineração nos Açores são um “negócio obscuro” e servem apenas “para alguém ganhar dinheiro”, dando como exemplo os transportadores marítimos que terão de transferir o lixo entre ilhas.

Além do BE, também o PSD, PS, CDU e CDS-PP apresentam candidaturas à Câmara de Ponta Delgada, a maior autarquia dos Açores. O concelho é gerido atualmente pelo PSD.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.