Açoriano Oriental
Banco Alimentar
Campanha online do Banco Alimentar reuniu mais 22 toneladas de alimentos do que em Maio
O portal online de doação de alimentos para o Banco Alimentar permitiu recolher mais 22 toneladas de alimentos do que na campanha de Maio, atingindo um total de 90 toneladas, avaliadas em 105.292,77 euros.
article.title

Foto: JOAO ABREU MIRANDA/LUSA
Autor: Lusa/AO online
“Em Maio tinham sido recolhidas 70 toneladas. Portanto agora foram 90. É um acréscimo substancial”, reconheceu em declarações à Lusa a presidente da Federação Portuguesa dos Bancos Alimentares.

A campanha decorreu entre 24 de Novembro e 04 de Dezembro, no endereço www.alimentestaideia.net, que contabilizou 60.000 visitas, a partir de 91 países, com destaque para a Suíça, França, Brasil e Angola.

“Eu destacaria que ainda há 580 donativos pendentes, ou seja, que ainda não estão contabilizados porque as pessoas ainda não concretizaram o pagamento. Pediram a referência Multibanco mas ainda não finalizaram a doação”, salientou.

Inaugurado em Maio, o portal apresentou nesta campanha novas funcionalidades, tornando o processo de contribuições mais completo e eficaz, nomeadamente com uma nova entrada na lista de alimentos previamente existente, com a existência da opção “cabaz família” e novos modos de pagamento.

“Uma das razões porque lançámos esta campanha no online foi de envolver a diáspora portuguesa. No fundo envolver as pessoas que estão fora mas que querem contribuir para a sua região”, explicou Isabel Jonet.

No final da campanha foram contabilizados 3.135 doadores sendo o leite o alimento mais doado, com 45,637 litros, seguido do azeite (11,937 litros), açúcar (11,484 toneladas), óleo (10,589 litros), salsichas (6,376 toneladas) e atum (2,324 toneladas).

O portal de doações online voltará a abrir para recepção de alimentos doados a 24 de maio de 2012, juntamente com a recolha de alimentos nos supermercados.
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.