Campeonato Nacional de Trauma e Desencarceramento

Bombeiros açorianos conquistam 1º, 2º e 3º lugares, na vertente Trauma

Bombeiros açorianos conquistam 1º, 2º e 3º lugares, na vertente Trauma

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   20 de Mai de 2019, 11:40

Duas equipas da Associação de Bombeiros Voluntários da Praia da Vitória sagraram-se campeãs e vice-campeãs, na vertente Trauma, no Campeonato Nacional de Trauma e Desencarceramento que se realizou este ano nos Açores, no concelho da Praia da Vitória.

Na classificação geral, para além do 1º e 2º classificados, o 3º prémio foi atribuído à equipa da Associação de Bombeiros Voluntários de São Roque do Pico.


Segundo adianta nota do executivo a prova, que decorreu no fim de semana, contou com a participação de 16 equipas de Trauma, entre as quais quatro açorianas, provenientes dos concelhos da Praia da Vitória, São Roque do Pico e Nordeste, bem como, nove equipas de Desencarceramento.



Na classificação geral, na vertente de Desencarceramento, o Regimento de Sapadores Bombeiros de Lisboa foi campeão, enquanto o Batalhão de Bombeiros de Sapadores do Porto foi vice-campeão.



Este evento organizado pela Associação Nacional de Salvamento e Desencarceramento e pela Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários da Praia da Vitória, em colaboração com o município da Praia da Vitória e o Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, mobilizou cerca de 300 participantes de todo o país.



A prova permitiu o apuramento das equipas que concorrem ao Campeonato do Mundo de Trauma, a disputar em setembro, em França.



Durante a cerimónia de entrega de prémios, o titular da pasta da Proteção Civil lançou o desafio à Associação Nacional de Salvamento e Desencarceramento para a realização do Campeonato Mundial do Trauma nos Açores, dentro de três anos.
   

Por seu turno, o presidente do Governo Regional dos Açores, Vasco Cordeiro felicitou esta segunda-feira as equipas das Corporações de Bombeiros Voluntários da Praia da Vitória e de São Roque do Pico pela conquista, na vertente de Trauma, no Campeonato Nacional de Trauma e Desencarceramento, que se realizou na ilha Terceira.

 

O facto de as equipas destas corporações terem conquistado os três lugares do pódio, numa competição envolvendo 16 equipas de todo o país, “vem provar, uma vez mais, o excelente nível de treino e de preparação destes corpos de bombeiros, um empenhamento que é, também, notório na forma como, diariamente, servem e apoiam” as suas populações, salientou Vasco Cordeiro, em nota do Gacs.

 

Nas mensagens de felicitações enviadas às duas associações de bombeiros voluntários, o presidente do Governo fez votos que estas “prestações sirvam de motivação acrescida para novas vitórias internacionais que continuem a prestigiar a Região Autónoma dos Açores”, nomeadamente, no Campeonato do Mundo de Trauma, a disputar em setembro, em França.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.