Bento XVI apela para a paz entre Israel e movimento palestiniano Hamas


 

Lusa/AO online   Internacional   21 de Nov de 2012, 11:29

O papa Bento XVI lançou um "apelo"no qual "encoraja as iniciativas e esforços de todos aqueles que procuram obter uma trégua e promover as negociações" entre Israel e o Hamas, no poder em Gaza.

“O ódio e a violência não são as soluções para resolver os problemas”, afirmou o papa perante vários milhares de pessoas que assistiam à audiência semanal na Sala Paulo VI, apelando “às autoridades das duas partes para adotarem decisões corajosas a favor da paz”.

O papa, que afirmou seguir a situação “com inquietação”, também apelou as duas partes “a porem fim a um conflito com repercussões negativas em todo o Médio Oriente, uma região atravessada por demasiados confrontos e que precisa de paz e de reconciliação”.

Desde o lançamento da operação “Pilar Defensivo” contra grupos armados do território palestiniano, na última quarta-feira, 135 palestinianos foram mortos e cerca de um milhar ficaram feridos em ataques aéreos contra o território palestiniano.

Cinco israelitas, incluindo um soldado, morreram devido ao lançamento de mísseis por palestinianos contra Israel.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.