Barroso quer governos a trabalhar em conjunto com "espírito europeu"

Barroso quer governos a trabalhar em conjunto com "espírito europeu"

 

Lusa/AO Online   Internacional   29 de Nov de 2009, 07:33

 Durão Barroso disse, em Bruxelas, estar "muito feliz" com entrada em vigor na terça-feira do Tratado de Lisboa e assegurou que irá apelar aos diferentes governos dos 27 para trabalharem a partir de agora em conjunto com espírito europeu.

"Estou muito feliz que tenhamos finalmente o Tratado de Lisboa e espero estar em Lisboa a comemorar a entrada em vigor do Tratado que tem o nome da cidade capital do nosso país", disse o presidente da Comissão Europeia, poucos dias antes da cerimónia a 01 de Dezembro na Torre de Belém.

Para o presidente do executivo comunitário trata-se de um tratado que "reforça a capacidade da União Europeia, aumenta a possibilidade de decisões mais eficazes, mais democráticas e aumenta também a coerência na área externa".

Durão Barroso alerta para o facto de "um tratado por si só não resolver tudo", sem haver "a vontade política" para se pôr em prática o que estipula.

"É por isso que farei muito apelos ao longo dos próximos anos para que os diferentes governos se decidam a trabalhar em conjunto, com espírito europeu, porque só assim é que podemos ser mais fortes no mundo e defender os interesses concretos de cada um dos nossos concidadãos", concluiu.

O Presidente da República portuguesa, o presidente da Comissão Europeia, o presidente do Parlamento Europeu, o primeiro-ministro da Suécia, actual Presidência da UE, o presidente do Governo Espanhol, futura Presidência, e os recém-nomeados presidente do Conselho Europeu e Alta Representante para a Política Externa e de Segurança, serão alguns dos participantes na cerimónia que terá início às 19.30 de terça-feira, junto à Torre de Belém, em Lisboa.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.