Consumo

Associação alerta Governo para publicidade a bebidas alcoólicas

Associação alerta Governo para publicidade a bebidas alcoólicas

 

Lusa/AO online   Nacional   21 de Nov de 2011, 16:24

A Associação dos Consumidores de Portugal (ACOP) defendeu alterações ao Código da Publicidade, sugerindo ironicamente a publicidade sem restrições ao consumo de bebidas alcoólicas como alerta ao Governo e ao Parlamento para a falta de fiscalização nesta área.
O aumento do consumo de bebidas alcoólicas e os incentivos nesse sentido, através de publicidade nos meios de comunicação social, designadamente nas estações de televisão, “começa a assumir proporções de alarme social”, afirmou  o jurista Mário Frota, fundador da ACOP.

“A publicidade influencia decisivamente os consumos”, salientou Mário Frota, também presidente da Associação Portuguesa de Direito do Consumo (APDC), registando frequentes violações a normas do Código da Publicidade.

O especialista lembrou que um relatório do Instituto da Droga e da Toxicodependência (IDT), divulgado na semana passada, aponta para o “excesso de consumo de bebidas alcoólicas” em Portugal, designadamente entre os jovens.

Nos últimos anos, a ACOP e a APDC têm alertado as entidades competentes para o problema, mas sem sucesso.

“A cada uma das intervenções destas duas instituições, que trabalham em parceria, as entidades envolvidas aos costumes dizem nada”, apesar de o consumo de álcool “começar a assumir proporções de alarme social”, declarou.

“Temos boa lei, só que não temos quem a faça cumprir”, adiantou, concluindo que, nesta área, “a lei é autêntica letra morta”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.