Aliança decide não avançar com coligação com o Nós Cidadãos

Aliança decide não avançar com coligação com o Nós Cidadãos

 

AO Online/ Lusa   Nacional   6 de Jul de 2019, 11:00

A comissão executiva da Aliança decidiu que não irá efetivar a coligação pré-eleitoral para as eleições legislativas de outubro com o Nós Cidadãos, divulgou, em comunicado, o partido fundado por Pedro Santana Lopes.

A comissão executiva do partido Aliança reuniu-se na sexta-feira para análise da situação política e da campanha eleitoral, segundo a nota do partido, divulgada na madrugada de sábado.

“Na sequência do convite recebido do Nós Cidadãos para a formação de uma coligação pré-eleitoral para as eleições legislativas de outubro, a Aliança iniciou com os representantes daquele partido, em cumprimento da decisão do Senado nacional, o competente processo de negociação”, refere o comunicado.

De acordo com o documento, “o facto é que o convite chegou em momento em que muito trabalho havia sido já empreendido pela Aliança, culminando esta semana com a apresentação do programa eleitoral e com o início do roteiro de oito semanas temáticas pelo país”.

“A Aliança agradece o convite do Nós Cidadãos e a forma como o diálogo foi conduzido. Entende, todavia, não estarem reunidas as condições necessárias à efetivação de uma coligação pré-eleitoral”, refere a nota da comissão executiva.

Segundo o comunicado, a Aliança confirmou assim que “se apresentará sozinha às eleições legislativas, com o seu programa eleitoral, do qual se orgulha, que apresentou antes de qualquer partido e que colocou já à apreciação dos portugueses”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.