Madeira - Greve

Aeroporto estima em 1.600 os passageiros afetados pela paralisação

Aeroporto estima em 1.600 os passageiros 
afetados pela paralisação

 

Lusa/AO online   Nacional   13 de Nov de 2012, 18:14

A empresa Aeroportos e Navegação Aérea da Madeira (ANAM) estimou esta terça-feira em 1.600 os passageiros afetados pela greve geral de amanhã que já determinou o cancelamento de 18 voos com origem e destino na região.

 

Numa nota de imprensa, a ANAM informa que na sequência da greve geral foram definidos como serviço mínimo obrigatório a chegada à Madeira de dois voos - TP1639 de Lisboa às 19:00 (saída de Lisboa) e SP1699 do Porto Santo às 20h40 (saída do Porto Santo).

Da Madeira estão asseguradas as partidas dos voos SP1698 para Porto Santo às 20:00 e a ligação TP1664 para Lisboa às 21:15.

Segundo a empresa, dos restantes movimentos inicialmente previstos para o dia da greve geral foram cancelados pelas respetivas companhias aéreas quatro voos da TAP com origem e destino no Porto, incluindo dois voos de dia 15, quatro voos da TAP com origem e destino em Lisboa e um voo da TAP com origem e destino em Gatwick, Londres.

“Prevê-se que serão afetados cerca de 1.600 passageiros em virtude destes cancelamentos”, esclarece a ANAM.

Na nota de imprensa lê-se ainda que “o voo da companhia aérea Primera, com origem/destino Finlândia, e que se realizaria durante o dia de amanhã [quarta-feira], foi reprogramado para a madrugada de 15 de novembro”.

A ANAM acrescenta que ainda se encontram programados dois voos da Easyjet com origem e destino em Lisboa, outra ligação da EasyJet com origem e destino em Gatwick e um voo da Monarch com origem e destino também em Gatwick.

A empresa pede aos passageiros a confirmação prévia dos seus voos junto da respetiva companhia aérea ou do agente de viagens.

A greve geral de 14 de novembro foi convocada pela CGTP em protesto contra o agravamento das políticas de austeridade e em defesa de políticas alternativas que favoreçam o crescimento económico.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.